segunda-feira, 22 de maio de 2017

Pais, conversem com seus filhos.


Não eh uma questão de impor ou de usar de persuasão somente, eh uma questão de lhe preparar-lhes pra vida. Uma questão de escolhas, que eles tem direito sim (!!) a ter e que eles tem de estar cientes das consequências das mesmas. Que por sinal, as consequências, ‘só’ eles vão ter. Como assim só eles?? Ok ok, nós pais vamos sentir sim, mas convenhamos que será na parte emocional, pq na pele de fato, será com e exclusivamente com eles. Vai ter impacto na vida DELES. Mas que vida e que escolhas você quer que eles tenham nas suas trajetória de vida?! Então, vamos combinar que isso meu caro, pelo menos enquanto eles são pequenos,  é com você. Você que terá uma parcela bem grande de responsabilidade em ajudá-los nas suas futuras escolhas. Por isso é bem importante...

Treinar desde pequenos.

Eu sempre li sobre a questão de comunicar seu filho dos acontecimentos, se está acontecendo algo na família ou ainda alguma situação com a criança ou até com você mesmo. Ou ainda comunicar pra coisas mais simples, corriqueiras, sobre a criança saber o que irá acontecer por exemplo, daqui a 5 minutos.  Gente, isso não é tão simples assim, mas eu acredito que como quase 99% das coisas na vida é treino.

Vou dar meu exemplo, quando eu estava grávida eu pensava : “ desde bebe vou fazer  isso, sempre avisar do que irá acontecer durante a rotina”. Mas pq Juh?! Se eles ainda bebês não entendem o que queremos dizer? Bem, isso não é algo tão fácil de fazer, acredite.
É comum chegar em determinada idade e ouvir um  “olha ele está com 5 anos, tem que começar a fazer tal coisa” ou “nessa idade já era pra ele estar fazendo isso”....mas, ele não vai aprender a tal coisa e nem você a passar isso pra ele da noite pro dia, então, comece desde cedo, pq no começo, isso é mais pra você do que pra ele e qdo chegar no momento certo ou na bendita idade a qual as pessoas falam, você já vai saber o que fazer, aliás, já vai estar fazendo, afinal de contas, vc treinou por um bom tempo.

Não sei se você observou, eu saí da parte de ter consciência e usei muitas vezes a palavra “fazer” nesse parágrafo anterior, então FAÇA, HAJA, dá trabalho sim, mas os resultados quando vierem é reconfortante.  Porém, já adianto, é um resultado demorado. Então, vai do tipo de ponte que você quer construir com seu filho. O caminho mais rápido nem sempre é o melhor.

Mas como fazer isso?

O exercício é aparentemente tolo, afinal você está falando com um rn ou bebê que ainda “não entende” o que você está querendo passar. Mas como eu disse, isso, inicialmente é mais pra você do que pra ele. Desde bebe la em casa era aquela coisa, “filho nos já vamos tomar banho”,  “filho daqui a pouco vai acabar o banho” “filho eu já vou colocar sua roupa”, coisa pequenas que agora, na “adolescência infantil” faz diferença pra sair de boa do banho ou do parquinho. Claro, que as vezes rola um stresse, mas garanto que não é sempre. Claro que agora que eles estão maiores e eu mesma as vezes não os comunico de algo e é nítido o resultado de quando eu esqueço.... catastrófico.

Na minha opinião a conversa resolve muita coisa. Para muitos não é fácil nem conversar quem dirá por em prática isso, mas como eu já mencionei, é uma questão de treino e com o treino vira hábito. Hábitos saudáveis por sua vez, são muito bem vindos, e esse ato de conversar está incluído em um deles.

Também não adianta reclamar que seus filhos cresceram e não conversam com você agora adultos, se você não construiu isso desde pequeno. Por isso, olhe seu bebê e seu filho pequeno do seu lado e pratique, converse! Aposto que ele é a pessoinha que mais tempo do seu lado durante o dia. E se não for, aí mesmo que deve aproveitar o tempo que tem.

Outro fator essencial para que isso aconteça é algo que vou deixar pra outro post e que se todos nós tivéssemos, em todos os aspectos da vida, o mundo seria mais pacífico, que é : a empatia. Empatia é libertador. É muito mais difícil do que aprender a conversar. Pelo menos eu acho......
.............mas aí vem aquela velha frase, ninguém disse que seria fácil ne!? 


terça-feira, 27 de dezembro de 2016

Um pouco sobre escola e respeito




Esse foi o primeiro ano que me senti mto, mas mto respeitada pelas profs dos meus filhos. Eles já estudaram em outras escolas e pra mim, foi a que mais me marcou positivamente.
Não quero entrar em discussão de religião e crenças mas sim comentar, somente sobre esse ano com respeito a esse assunto hehe
Pra quem não sabe, nós não participamos de nenhuma data comemorativa comercial. 
Isso faz com que muitas pessoas pensem que não nos divertimos ou que não somos felizes ou pior, que privo os meus filhos de diversão. Mas, posso dizer que nos divertimos de outras formas e acredite, fazemos festas, ganhamos e damos presentes. Só que com um pequeno detalhe, não precisamos de motivos pra isso.
Quem me conhece sabe que amo presentear. E acho incrível quando presenteio alguém e a pessoa me diz "ué, mas não meu aniversário!" E não é mesmo, simplesmente queria lhe dar algo, simplesmente lembrei de você e gostaria de lhe ver feliz.
Isso é uma das coisas que enfatizo muito pros meus filhos, eles não precisam esperar nenhuma data pra ganhar presentes. Eles ganham sempre, quando temos condições de dar.
Claro que pode não ser fácil pra eles pq as vezes eles não entendem.
Claro que não é fácil não seguir a multidão. Eu nado contra a maré todo dia. As pessoas falam que temos que respeitar o deficiente, as diferenças, mas ninguém para pra pensar que não é uma questão só física, mas sim, de pensamento, de princípios inclusive religiosos.
Já me disseram uma vez "mas como eles vão poder escolher se não experimentarem?!"
Dessa frase tenho três pensamentos. Por exemplo, eu não comemoro aniversários. (1) Eu não obrigo ninguém a NÃO comemorar só pra saber como é. (2) Acredito que eu, enquanto mãe, posso decidir o que seja melhor pros meus filhos que ainda não respondem por si só. (3) cada família tem seu padrão, regras, ensinos que passam de geração por geração, tradições, cultura que elas escolhem seguir.
Uma pessoa vegetariana por mais que saiba que ela fez uma escolha saudável ela não obriga os outros a aceitar suas escolhas. Eu também não faço isso. Mas é lindo quando vejo que alguém respeita minhas escolhas, seja ela qual for. Aposto que você também. 
Já postei uma vez um texto fantástico que li sobre escola laica. Dá pra contar nos dedos as que são. 
Esse ano as profs dos meninos foram tão, mas tão parceiras que eu não consigo nem acreditar que isso aconteceu, tamanho medo que eu estava desse ano letivo, e vou dizer pra vocês que elas estavam também hahaha
Mas tudo na vida, ao ser conversado e esclarecido, flui.
E fluiu.
Na minha visão ao se fazer os dias das mães, uma criança que não tenha pai, sente.
Ou o dia dos pais, a criança que não tenha mãe, sente. Pode não ter seu pai ou mãe por qualquer motivo, separação, rejeição e inclusive por perda na morte. Sim, ela vai sentir.
Há o aniversário trimestral na escola das crianças e meus meninos não vão na escola nesse dia. Mas quando há um aniversário fora da data, como uma professora uma vez me comentou e eu achei super interessante, as vezes o outro colega não pode fazer uma festinha DAQUELE jeito pode ficar triste por isso. Uma festa trimestral possibilita que todos possam ser iguais. Importante não excluir ninguém, mas meus filhos ou outras crianças que não comemoram seja qual motivo for, estão sendo excluídas. 
Já vi em meu local de trabalho a anos atrás onde todos se juntam pra dar um presente de aniversário, mas o fulano não gosta da pessoa e acaba colaborando pra não ficar chato.
Festas de finais de anos quase toda a população entra em dívidas por ter que dar presentes sem poder. Mas veja bem, não estou dizendo que VOCÊ seja assim, estou apenas analisando fatos que contribuem em muito a minha decisão e escolha. Embora ainda não seja esse o fator principal. 

Outro exemplo  que darei desse ano foi quando colocaram uma árvore de natal com a foto das crianças pra que as pessoas escolhessem uma para dar um presente. Achei diferente e comentei com meu marido. Mas as semanas foram passando e as fotos diminuindo.....até que ficou três crianças e depois uma só. E aí cheguei a comentar com as profs que fiquei preocupada pq aquela foto ficou ali e a criança, maiorzinha por sinal, podia ver a foto e pensar "pq não fui escolhida?" "pq ninguem me escolheu?!"
vocês entendem a questão?
Gente, não estou querendo criticar ninguém que faz, muito menos a escola dos meninos pq aquela escola é demais!!! Fazem tudo em prol das crianças e com muito, muito amor, eu sou uma que tenho paixão por essa escola e fico triste só de pensar que daqui a dois anos meus filhos não estarão mais lá!! Mas são detalhes que as vezes não nos tocamos e não é por maldade. 
Esses dias um colega gay comentou que gostaria de adotar uma menina e eu disse que o dia em que ele e seu companheiro adotassem, ele me entenderia quando chegasse o dia das mães..
E aí eu li esse post sobre a escola laica, eu não tinha pensado em como não fazer festas com datas comemorativas. Isso é possível? daí o texto sugere fazer o "Dia da família" e achei perfeito! Per-feito! 
Família, segundo o dicionário, é um "grupo de pessoas vivendo sob o mesmo teto". Simplesmente NINGUÉM seria excluído.
Esses foram somente uns exemplos pra citar.
Mas todas essas minhas citações é pra dar um entendimento a mais pra quem está lendo a MINHA visão e escolha. Meu pensamento e conceito sobre esses assuntos.
Pq na verdade, esse texto era somente pra agradecer a Ale, Carla, Noemy e Ana Paula que SEMPRE usaram de empatia para com a nossa família. Prof Day de educação física o amor eterno das crianças haha!! Vocês foram maravilhosas e gostaria de agradecer mto a vocês pelo carinho que tiveram com meus pequenos, o amor que cuidaram deles, as atividades que fizeram, os portfólios e a avaliação de final de semestre deles que pra mim é uma das coisas mais esperadas e vocês fazem com tanto carinho, com um olhar atento a personalidade de cada um deles e isso não tem preço. Pra mim, a avaliação de final de semestre é uma das características mais forte da escola, pois sempre recebo com todo esse olhar atento e acho simplesmente fantástico!!!!   Temos uma dire por trás disso que sei o quanto ela zela pelo bem estar das crianças e que tudo seja feito da melhor forma possível. Mas ainda deixo meu voto pro dia da família Dire hehehehe
Então meninas, minha gratidão eterna a vocês, meu carinho e amor e obrigada por me deixarem participar das atividades das escolas! Amei Amei Amei!!! Vocês serão minha referência de vida na construção de aprendizado dos meus filhos! 
Muito Obrigada!!





quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

Tempo + Criação + Crescidos + Desfralde do Dudu + Postagens


Oi gte!! qto tempo!
Semana passada fui chamada a atenção, pois vai fazer 1 ano que não escrevo. Sim, passa muito rápido!
Sinto saudades de escrever.
Escrever me acalma.
Me faz viajar bastante...tanto que me empolgo escrevendo.
Deveria escrever com mais frequência..pq sou esquecida e gostaria de deixar registrado mais coisa dos meninos , pq gte, vou dizer, que fase mais desafiadoramente gostosa!

Sabe que na minha vida e sonhos de mãe , meu sonho não era GESTAR (embora tenha amado!!) e sim CRIAR uma criança. Se tem uma coisa que eu simplesmente me apaixono todo dia é ver os meninos falando, contando e criando histórias, aquelas pérolas que nao sabemos de onde surgiram, pensamentos, ideias, espertezas, gte, é fantástico!!! lindo, lindo demais! Ver uma criaturinha tão pequena ser tão pensante! Obra de Deus mesmo, não há como negar!

Fiquei de escrever sobre o desfralde do du, mas gte, não tem como dar passo a passo em como aconteceu com ele, pq foi tudo tão natural que quando vi, já foi. Por isso, sempre é bom lermos sobre um desfralde respeitoso, as coisas acontecem simples assim, naturalmente. sem stresse pra NinGuEm! e quem não gosta de ser respeitado?! ein?! Comecemos desde cedo! Com coisas básicas na vida!
Dudu está desfraldado de dia, de noite, ainda não! Ama uma mamadeira que só ele! Dormir então, quase a coisa que ele mais gosta de fazer!
Falando em dormir, faz uns dois, três meses que eles começaram a dormir a madrugada toda! Ô glória!!! Achei q esse dia ia demorar mais ! kkkk Mas confesso que ja nao via a hora!

As vezes , aliás, várias vezes penso em aparecer por aqui pra falar sobre educação, criação de filhos, como lido com os meninos, mas as vezes acho um assunto tão pessoal, mas falando a verdade, tão polêmico, que prefiro manter guardadinho pra mim. só pra não levantar poeira....uma certa preguiça...pq minha intenção não é polemizar e sim, somente mostrar como faço, quem sabe ajude alguém ne?! Os blogs me ajudam muito...mas a gte sabe que nesse mundo de internet as pessoas lêem como querem e julgam de qualquer forma. 
Mas o que tem rolando aqui com a minha pessoa é um constante treino de empatia e isso engloba a forma como trato meus filhos. Não estou dizendo que sou a mãe zen 24hrs por dia, tem dias que surto sabia?! tem muitos dias em sequencia que fico mal humorada e eu tenho que me policiar muito, afinal, eles, os homens lá de casa não tem culpa das minhas alterações de humor.  Então, acho que a empatia vem sido um exercício pra eles tb.
Dudu está mais falante! está tão lindo, tão fofo e pensa numa criatura travessa!!!
Vini, meu amadinho sempre foi falador igual a mãe e o du mais reservado, por isso eu to amando ele estar falando mais, interagindo mais com tudo. Está muito amoroso! Aliás, ele é amoroso! Agora tem demonstrado mais. 
Antes o vini era mais grudado cmg e o du mais independente, agora, uma pequena troca se fez. e ta sendo, mto, mto legal isso, pois tenho criado um vínculo maior com pequeno!
Se eles brincam?! Muito! Se eles brigam?! Na mesma proporção do brincar!
Mas as risadas, as conversas casa a dentro são momentos em que eu e o marcos nos olhamos e saem coraçõezinhos das nossas mentes!
Eu amo ser mãe!
E um dia quem sabe, nós teremos nosso time de futebol! hahahaha #sqn

é isso gente, só queria matar a saudade, registrar algumas coisinhas e quem sabe volto...daqui a 1 ano!? espero que não. lembrei até de um post agora um pouco polêmico, mas quem sabe não me animo a fazer?! hahaha

já fico feliz de saber que uma pessoa tem costume de entrar pra saber se postei algo ;) mto obrigada pelo incentivo amiga e aos demais que ainda passam por aqui tb! <3

tchau pessoal!!
na foto : vini e du ao lado , cada um com sua bicicleta verde perto de um lago.

Ps: vcs não sabem como me assusta ver que eles já estão andando de bicicleta! Oo

terça-feira, 26 de janeiro de 2016

Desfraldando Dois - #SQN



Um com fralda e outro sem! :)

Oi gente, um tema bastante complexo não é mesmo?
Quem tem filhos, mais cedo ou mais tarde terá que passar por isso.
Chegou a nossa vez.

Eu começo a ler muito antes das coisas chegarem por aqui...pessoa ansiosa e precavida também..já pra eu poder ir calculando e planejando como eu gostaria que fosse e como farei de fato pra que tudo ocorra da melhor maneira possível.

Minhas amigas sabem que eu simplesmente ODEIO penico...ou odiava pelo menos...hoje minha relação com ele ..é ..de boa! hehe
Pesquisei muito sobre comprar ou não o penico...sempre achei antigiênico sabe?

Mas no meio das minhas pesquisas encontrei a fe! A página do face dela é Bebê sem Fralda - Brasil.
Ela foi fundamental no meu processo de retidas dos pré-conceitos, sabe como é!? Toda vez que uma dúvida ou argumento da minha parte surgia, Fernanda caploft na minha cara! hahaha
Verdades doídas, mas aquela história "aceita que dói menos"... Vai lá ler os posts dela que você vai entender do que eu to falando!

Hoje muitas coisas que ouço (permaneço só escutando, só sento e observo...kkk) já consigo identificar como senso comum...frases simplesmente repetidas que na verdade as pessoas nem param muito pra pensar tipo "deixa pra desfraldar no verão" ...e aí fiquei mega pensativa quando li no blog da Fe, ta, e aí, como fazem os esquimós pra desfraldar?! hahaha, né?!

Não estou julgando quem desfralda no verão e muito menos dizendo se é certo ou errado.
A questão aprendida na maternidade por mim é "Faça o que VOCÊ, como mãe, achar melhor. Faça o que for melhor pra sua família" Fim. Essa frase olha.. é a salvação! Simplesmente, LIBERTADOR!

Sim, aqui o desfralde rolou e está rolando neste verão. Pq?! Pq depois de todos argumentos usados no Bebê sem Fralda Brasil eu reconheci que sim, não há desculpas e eu reconheci que EU não estava preparada. EU! Então esperei o momento mais propício pra isso, um mês que além de calor (sim eu levei isso em consideração ;) ) eu e o Marcos estaríamos de férias, eu, tranquila livre, leve e solta, sem estresse nenhum e poderia dar a atenção que eles merecessem. Porém!!! Não significa que fiquei esperando chegar as férias...

Já bem antes de chegar o verão me entreguei ao danado do penico. Caploft na minha cara! (Again!)

Fe, querida Fe me disse assim "Ju, tu não junta coco de cachorro?? é a mesma coisa, só que cocô no penico e coco do seu filho!" né não gte?! kkkkkk
E aí parei de frescura e aceitei, eu e o penico tivemos uma relação harmoniosa e saudável. E vamos combinar, era a diversão deles fazer xixi e dar tchau pra ele no vaso hehe

Bom, eu sempre digo, que na minha maternidade gemelar, onde basicamente TUDO foi bem difícil ("parto", pós parto, amamentação, rotina, alimentação e td mais..) eu MERECIA benhê, um desfralde tranquilo! PuFavô né!

E o desfralde aqui tá sendo a melhor maravilha do mundo, posso classificar assim, bem feliz.
Esse ano, foi a primeira vez que não passamos a virada na praia. Ficamos em casa. Sim, a melhor coisa do universo! Sem fogos, nós e nós e melhor ainda, no nosso ritmo.

Vini decidiu que aquela era a hora e pegamos na mão dele e fomos nessa!
Eu acreditao piamente minha gente, que o fato de termos trabalhado a Higiene Natural com ele desde Julho/Agosto, colaborou muito com esse processo. Nesses meses eu comprei o penico e deixei ele no banheiro. Ali, pra irmos nos familiarizando com ele. TODO DIA, antes do banho, tiravam a roupa e aí "quer fazer xixi no penico dudu?"  "Quer fazer xixi no penico vini?!" No começo era "não" como resposta e assim acontecia. "Tudo bem filho, mas se quiser fazer xixi no penico é só avisar tá?!" Essa frase era repetida diariamente e naturalmente. Durante o dia também eu dizia quando trocava a fralda deles. Passei a observar mais eles e quando via que estavam concentrados, naquele momento só deles, eu perguntava se queriam ir ao banheiro. Pra xixi o vini aceitava, pra cocô, não. Dudu nem pensar, o fator prisão de ventre o qual ele sofria muito, muito, atrapalhou um pouco.

Até que o vini começou a usar o penico antes do banho...enquanto o Dudu tinha pânico, tanto do vaso quanto do penico. Vini passou a revezar penico e vaso. Du levou uma semana somente e começou a fazer xixi no penico tb! Yay!!!

31 de Dezembro de 2015 começou oficialmente o desfralde do vini. Onde ele passou a semana INTEIRA pelado e negando fralda e consequentemente a roupa. No começo eu fiquei bem preocupada com isso, hoje já "não me importo" tanto. Acredito que faça parte. É ir conversando, guiando e ajudando ele a ter compreensão das coisas. A família que se importa mais, mas vamos observando e orientando ele não é mesmo!?
Hoje ele já até pede cueca ou "calça", mas de veeeez em quando hehe

Faz quase um mês e nosso resultado aqui é, desfraldado de dia e basicamente desfraldado da noite! Eu classifico o desfralde diurno em uma semana. Eu sempre lebrava da frase da minha amiga "você só sabe se ele realmente tá desfraldado quando sair com ele"....então, em uma semana, tudo certo! hahaha
E o dia em que eu ouvi, de madrugada, ele sentadinho na ponta da cama falando choramingando "papai...papai...quer fazer xixi....pai...quer fazer xixi..." gte, explosão de emoção nesse coraçãozinho aquiiii!!! Levei ele ao banheiro e fiquei tão emotiva que não dormi mais! kkkk

Somente uma vez fez xixi na cama pra valer.
Foi uma questão de confiança também. Eu tinha medo...até que passamos a deixar sob responsabilidade dele, Confiamos nele. Ficamos tranquilos. A noite sempre reforçamos que se ele sentir vontade de ir ao banheiro é só acordar a mamãe ou o papai. Mas o Marcos gosta de reforçar que ele pode acordar A MAMAE! kkk

Foram pouquissimos escapes diurnos, Pouquíssimos mesmo. Extrema paciência e foco no objetivo pq senão, você realmente briga. Muito auto controle, pq a vontade de brigar vem sim senhor! É cansativo sim...tanto que no comecinho eu tava doida pra voltar pra fralda confesso, não parecia ser tão bom quanto as pessoas falavam que era uma criança desfraldada. Mas só depois você entende.. ;)

Aqui em casa, geralmente quando um começa num processo, o outro logo em seguida faz também.
Com o desfralde não está sendo assim tão rápido. Tão ligeiramente rápido ne?! Era Vini começar algo, uma semana depois o dudu também seguia o irmão.
Mas o meu dudu é um menino de muita personalidade própria, então, ele ta curtindo a beça o desfralde do mano, porém não é momento dele ainda.

Ele AMA dar descarga das necessidades do mano, ama cantar a música do cocô pro mano, ama dar tchau pro cocô e xixi do "miício" mas ele entrar no embalo??..não mamãe, obrigada. Pergunto onde tem que fazer xixi e cocô? ele responde corretamente!!! Sabe de todo o procedimento, se arriscou duas vezes PEDINDO pra fazer xixi e coco no vaso orgulhosamente, mas somente essas duas únicas vezes. Comprei dois livros pra ajudar no desfralde, eles amaram, mas sem muito sucesso por aqui...


Queria muito que os dois desfraldassem antes de voltarem às aulas, mas por enquanto...só um...mas vamos aguardar as cenas dos próximos capítulos ne?!

O Du ama surpreender, quem sabe seja a hora, quem sabe não .. o segredo é respeitar a vontade deles e o tempo deles, apesar de terem 2 anos e meio somente, são seres humanos iguais a nós e ninguém gosta de ser forçado a nada não é mesmo?!

Mamães, super incentivo vocês a praticarem a Higiene Natural o quanto antes, sem dúvidas, contribui para que o processo de desfralde seja bem suave e sem traumas! e o melhor (!!!) para ambas as partes!!

Então, minha dica é, pesquisem antes, se informem, trabalhem suas mentes, apoiem eles, como já diz higiene natural, é, NATURAL, ela vai acontecer NATURALMENTE hahaha #trocadilhohorrível, que nada, vai depender de nós!

Procurem ajuda, procurem o blog da Fe, perguntem, ela é consulta de desfralde então, ninguém melhor que ela pra ajudar e orientar corretamente! né!?!

Bom, por hora é isso.. está sendo um amadurecimento meu e dos meus filhos, algo lindo e assustador ao mesmo tempo. Mas sei que isso é só o começo!


           


             

Sonequinha pós praia...sem fraldinha e sem cuequinha ^^
                                        

quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

Recapitulando...2015!!!

É minha gente, último dia do ano!!
Amo final de ano!
Me dá a sensação de mudança, deixar coisas pra trás, renovar, e vida nova!!

E felizmente, não ta sendo uma coisa só de sensação. Eu pelo menos, estou passando um processo de renovação, me permitindo a isso. E agora é só agir, pra colher os frutos a frente.
Cada ano já é diferente por aqui, pois cada ano é uma fase nova dos meninos, que estão crescendo e desenvolvendo ligeiramente rápido. Está sendo MUITO gostoso acompanhar isso, mas confesso também que está sendo MUITO, mas muito cansativo e muitos dias ate estressante.
Maaaaaaaaaas, faz parte né!!

Como faz tempoque não escrevo, vou aproveitar o momento e recapitular um pouco do ano.
Bom, eles começaram a falar. E é uma das coisas mais linda do universo *-*
O vini é mais conversador que o dudu. Dudu puxou ao pai, mais reservado e não demonstra muito seus sentimentos se não está com vontade. o Vini ja acorda e dorme falante, super comunicativo, puxou à mãe, o tagarela.

Das palavras que eles estão falando, mas já avançamos para elaboração de frases.

cafa = faca
seio = travesseiro
madeira = mamadeira
cofá = sofá
miício = vinícius (o du chama ele assim)
bini = vini (o vini se chama assim)
maiá = tia mariah (irmã do marcos)
tia xo = tia jô (minha irmã)
tutuba = jujuba
cucuia = coruja
timamo = te amo
patinona = funciona
entre várias outras que no vou lembrar agora...

ônibus é muito engraçado,mas não consigo lembrar no momento.
o vocabulário deles está amplo demais, raciocínio rápido, surpreendente, é lindo e assustador ao mesmo tempo!

Mas vamos lá, vamos recapitular alguns momentos de 2015!!

Eles se descobriram mais! Brincam juntos quase na 
mesma proporção que se brigam, 
estapeiam, se gritam, se matam e enfim rssss

Enquanto o vini diz "lá vem a princesa dudu", o du pode colocar qualquer chapéu 
que ele continua sendo o woody! A paixão do momento, woody e buzz lightyear 


Saidinhas em família! <3

Início da higiene natural com várias tentativas ao desfralde,
agora eu acho que vai... 
Momentos especiais, juntos! <3
                                                 


Muitas idas à casa do voô e da vovó!!

vini, indo para uma festinha das crianças!

idas ao parquinho com a tia jô!

Momendo arrasando com óculos que o vovô Val deu!

As sonequinhas da tarde ainda acontecem!
Dudu se deixar dorme o dia inteiro 
enquanto o vini não gosta de perder tempo dormindo rs

um dos momentos mais lindos que ja vi!

esperando a mamãe acabar o trabalho pra ir dormir..

Dudu preparado pra primeira festinhas das crianças!

Meu sonho era ver o Marcos arrumando a gravata deles..
Só não achei que seria tão cedo!
Amei a foto, amei a carinha do meu sapequinha!!


Indo pra casa com a tia jô e o amigo matheus!

Do meu ladinho enquanto eu trabalhava!


Fazendo gracinhas no restaurante ^^

Primeira festinha a fantasia na escola! *-*

Soneca fora de hora com todo charme e elegância ;)

1
Eu que me descobri como cacheada e aprendi a cuidar dos meus cachos!
Isso é um grande avanço pra mim!
Reforçar o meu eu!

e a Retalhos que está de vento em popa, graças a Deus!


É isso minha gente linda, me falta tempo de escrever, infelizmente..
galerinha agora puco lê blogs, só querem saber de youtubers, mas quando eu puder, aparecerei por aqui..
pq eu amo escrever e gostaria de ter registros, mesmo que poucos.. gostaria de escrever mais pra ajudar mais gente, também pra eu não esquecer e pra mais tarde eles poderem ler o quanto são importantes pra mim!



com amor,
mamãe.

Obrigada aos que nos acompanham desde o comecinho e aos que chegaram agora, as novas curtida da pagina que sempre aparecem, Aos que sempre me cobram um novo post. Nao sabem como fico feliz!! Um beijo no coração e que 2016 seja deliciosamente surpreendente pra todos nós! <3




sábado, 17 de outubro de 2015

Do filho primeiro filho -(ParteII)


Depois de dormir enroscada com o vini, acordo e decido continuar a trabalhar.
Sento na mesa do ateliê, olho pras horas, 3:15 da madrugada.
Ok
Vida de mãe empreendedora é assim, afinal, queria acordar cedo mesmo pra limpar a casa (se der ne!), então, ignoro o horário,
Começo a desenhar e mal pego no lápis, os dois acordam, vini pedindo "coio coio coio" (colo colo colo), du começa a chorar também, provavelmente pelo mesmo motivo.
Volto pra sala, o marcos em pé, com os dois no colo.
Troco eles, deito eles.
Du sai do quarto irritado como quase toda madrugada, e aconchega-se consoladoramente como toda noite no sofá. Seu lugar predileto pra dormir.
Vini continua me pedindo "coio coio coio" e digo "eu ein, esse vai demorar a casar!"
Marido me responde:
- Primeiro filho né..

Acho muito engraçado isso, gêmeos, três minutos diferença e o vini sempre demonstra as características ditas de fato, de filho mais velho.
Volto a dormir com ele (#sqn)...volto pro ateliê e vou continuar trabalhando aqui.

bjo gente, bom domingo pra todos nós!



olha a cara dele de quem
tá se importando com isso!
Eduardo muito menos, no sofá! :)


:*

quarta-feira, 1 de julho de 2015

Das tagarelices dos DuduS

Os meninos embora saibam quem é quem, desde que aprenderam a falar se chamam de dudu.
O diálogo é mais ou menos assim com o dudu:
Eu: Dudu quem é esse? (Apontando pro irmao)
Dudu: Dudu!!
Eu: é o Vini!
Du: Dudu!!
Eu: Vi-ni!
Du: Dudu!!

Hahaha

Isso dificultou um pouco as profs na sala a saber qm é qm.. os dois sao dudu!
Antes de ontem o dudu resolveu, além chamar o vini de dudu, chama-lo de mano ! Eeeee


O vini é mais tagarela.
Ontem do nada aprendeu a falar todos os desenhos que ele gosta.
Peppa é peppa ( e pira qdo ver pra minha felicidade ¬¬)
Ponja = Bob Esponja
Capim = relâmpago maquim
Cóki = Doki

Ja dizem o nome dos coleguinhas da sala e das profs e o nome de cada um da família.
Não assim, politicamente correto ne?! Mas é muito fofoooo!!! To tentando filmar!!
Enquanto isso eu fico babando em cada nova descoberta de cada palavra deles.
É mto liindo!!!!!!

beijos gente!!!